sábado, outubro 18, 2014

MEUS CLICKS: OUTUBRO ROSA

Ainda falando sobre o mês de outubro e a conscientização sobre o câncer de mama, tirei algumas fotos de coisas rosas aleatórias que tenho por aqui.






Esse ano, pela primeira vez fui visitar os pontos pink aqui de Brasília e fiquei decepcionada. A iluminação estava bem fraca e pessoalmente quase não dá para ver e ainda tem um dos ministérios que está vermelho. VERMELHO CARA!! 
Mas consegui fotografar alguns lugares que ficaram mais ou menos. 
Banco do Brasil 
Biblioteca Nacional

Catedral
E é isso, meninas, cuidem-se todos os dias!
Bjss

sexta-feira, outubro 17, 2014

Outubro Rosa

O post de hoje é mais do que especial, é um alerta a nós mulheres. Todo mundo já ouviu falar sobre o Outubro Rosa, que é um mês dedicado a chamar ainda mais a atenção para a realidade do câncer de mama hoje e mostrar a importância do diagnóstico precoce. 
Gente, isso não é brincadeira, é uma coisa bastante séria e o auto exame é fundamental para todas nós. A maioria das mulheres descobre o câncer de mama durante esse processo e quanto mais cedo ele é descoberto, maiores são as chances de sucesso no tratamento. Você pode seguir os cinco passos abaixo, é bem simples:
Conhecer seu próprio corpo é muito importante e é claro que não basta só fazer o auto exame, é preciso ter uma vida saudável e se cuidar. São alguns minutinhos que podem fazer uma enorme diferença.
O movimento começou há muito tempo e vem aumentando a cada dia em todos os lugares do mundo, não só no Brasil. Você pode acompanhar mais acessando o site http://www.outubrorosa.org.br/.

“Ninguém é imune ao câncer de mama. Quando o assunto é câncer de mama, não há mulheres ou super-mulheres. Todas têm que fazer o autoexame, mensalmente. Lute conosco contra esse vilão e se estiver em dúvida, fale com seu médico”.

Fica ai uma frase de conscientização. Não existem super-mulheres quando se trata de câncer, pode acontecer com qualquer uma, mas o acesso a informação pode mudar muitas vidas, por isso peço que quem estiver lendo, me ajude a levar isso a várias outras mulheres!


quinta-feira, outubro 16, 2014

Poderia ser pior

Há pouco mais de um mês, a empresa em que eu trabalhava fechou a filial aqui em Brasília e demitiu todos os funcionários. O problema é que depois de tantos anos na luta, para mim está sendo péssimo ficar em casa o dia todo, todos os dias, com um milhão de possíveis coisas a fazer, mas nenhuma vontade de realmente fazer.
Já chorei, gritei, esperneei e é óbvio que essas atitudes não mudaram nada. Pois bem, decidi usar a razão e pensar que a coisa toda poderia ser bem pior. 
-Eu poderia estar sem internet em casa;
-Eu poderia, também, estar sem TV a cabo em casa;
-Eu poderia ter uma péssima relação com a minha família o que dificultaria muito mais;
-Eu poderia não ter um noivo que me ajuda psicologicamente e baixa filmes para eu assistir quando penso que o fim já está chegando;
-Eu poderia estar em estado terminal no hospital;
-Eu poderia não ter um ventilador para aliviar esse calor terrível que está me matando;
-Eu poderia não ter minha câmera, meu 3DS e vários livros para me distrair;
-Eu poderia estar morta, aí sim seria pior.
São pensamentos bobos? Sim. Mas é a verdade. Quando penso em tudo de ruim que esse momento está me causando lembro ao mesmo tempo das coisas boas que a vida me ofereceu até hoje e no final não é tão desesperador.

terça-feira, outubro 14, 2014

FILME | Mesmo se nada der certo (2014)

Sou bem suspeita para falar desse filme porque sou mega fã da Keira Knightley e do Mark Ruffalo e desde o início eu sabia que não haveria possibilidade de não gostar e de quebra ainda comecei a ouvir algumas músicas do Marron 5. Pois é, eu nunca tinha escutado nenhuma música da banda, não que eu me lembre. Mas voltando ao filme, ele conta a história de Gretta, uma compositora que se muda para Nova Iorque com o namorado, mas depois de uma traição eles se separam e tudo muda para ela.
Durante esse período pós-fim-de-namoro-por-causa-da-traição ela é descoberta por um produtor musical falido, porém a amizade e talento dos dois traz muitas surpresas. Muita gente nova vai cruzar o caminho dos dois e uma história linda e emocionante acontece.
Sem dinheiro e apoio da produtora em que Dan, o produtor, trabalhava, eles decidem gravar por conta própria e em vários pontos de NY.
Sabe aquela coisa de "não tenho nada a perder"? É exatamente a mensagem do filme. O nome do filme em português caiu super bem, pois, independente de sucesso e estrelato, muita coisa é mais importante. As músicas são a concretização dos sentimentos da Gretta e é muito bonito, sabe? É um filme muito gostoso de ver e a trilha sonora dispensa comentários. 

Muito bonita também a relação pai e filha entre Dan e Violet, interpretada pela Hailee Steinfeld que por sinal é uma baita atriz. O sentimento que se cria entre os dois... na verdade o sentimento repassado pelo filme como um todo não é aquele velho clichê; é amor, amizade, companheirismo. Quem dera fosse assim na vida real. Uma troca. 
Sabe o que é legal também? Tem a trilha sonora do filme no Rdio e pelo que andei lendo a linda da Keira compôs várias músicas do filme e é ela quem canta mesmo.


Assistam e morram de emoção. Lost Stars é simplesmente linda!
Milca Abreu - Blog Sabe o inverno. Design by Berenica Designs.