Posts in the category: Leitura

segunda-feira, abril 27, 2015

PRECES E MENTIRAS - SHERRI WOOD EMMONS

Terminei de ler esse livro há alguns dias, mas percebi que, ao menos uma vez por dia me pego pensando nos acontecimentos e nos personagens. É um livro bastante intenso e que te mostra como algumas crianças passam para a vida adulta de uma forma tão brusca que pode mudar completamente a vida futura e seu comportamento. A princípio me pareceu apenas mais um livro, mas a verdade é que ele mexeu muito comigo por lembrar como coisas que aconteceram comigo quando eu era apenas uma criança e assim como Rana Mae, eu não tinha ninguém com quem pudesse contar. Óbvio que não chegou a tanto, mas mudou muito em mim. Depois eu explico.

O livro tem como personagens principais Bethany Marie e Rana Mae. Elas se conheceram quando tinham 7 e 6 anos, respectivamente e criaram um vínculo grande que tirou ambas da solidão em que viviam. Elas são primas e todo verão, Bethany vai visitar a prima, que mora em Coal River Valley, interior de West Virginia. Além delas, têm também, outros personagens importantes. Da família da Bethany: sua mãe Helen, o pai Jimmy e suas irmãs Melinda, Nancy e Tracy. Da família de Rana Mae: Joane, sua mae, Bob, o pai e o tio Caleb.

Tudo se passa nas décadas de 60, 70 e início de 1980. Cada família tem seus problemas, mas Helen, Beth, Rana Mae e Jolene são bem mais próximas e meio que dividem os problemas, querendo ou não. Jolene não tem uma fama muito boa por causa da sua forma de vestir e também por não ligar muito para Reana Mae. Bob trabalha com frete e quase não fica em casa, o que mais tarde Rana Mae vai interpretar como abandono. A família de Beth é estável financeiramente e o único problema aparente é Tracy, pois ela possuio famosos gênio forte e é muito má. Ela gosta de humilhar os outros e, desde que não a contrariem, ela é um doce.

Jolene descobre que está grávida e fica muito feliz por isso, pois acredita que Bob ficará mais tempo em casa, porém, Caleb está morando com eles e Jolene não gosta disso. Ela detesta Caleb por motivos bastante pessoais (que vocês descobrirão ao ler) e em um ataque de fúria contra ele acaba perdendo o bebê. Caleb é expulso de casa, mas Bob obriga Jolene a aceitá-lo de volta e é aí que Rana Mae é obrigada a crescer. Eu nunca tinha lido algo tão perturbador e tão real. Preces e Mentiras me mostrou o quanto certas atitudes podem mudar uma pessoa, tanto para o bem quanto para o mau. Saber que abusos contra crianças acontecem todos os dias, famílias que são destruídas, mas que são poucos os que se sacrificam o mínimo para cuidar de alguém.

Esse livro me ensinou muito, principalmente a, pelo menos, tentar me colocar no lugar de outra pessoa. Tentar ajudar. Um gesto simples, às vezes, se torna grande e faz muita diferença. 

quinta-feira, janeiro 22, 2015

Maze Runner: Correr ou morrer - James Dashner

Esse livro eu li ano passado, até citei na tag que respondi, e acabei esquecendo de falar sobre ele aqui no blog. Esqueci mesmo, não sei por quê cargas d'água, pois se trata de um ótimo livro. 
Tudo começa com Thomas acordando dentro de um elevador escuro se movimentando; ele não lembra de nada, nem o próprio nome. Quando o elevador finalmente para, ele se vê entre vários garotos que o apresentam à Clareira, nome do lugar onde eles estão. É um lugar aberto, rodeado por enormes muralhas e ninguém sabe como foi parar ali, a única coisa que sabem é que todas as manhãs duas enormes portas se abrem dando acesso a um labirinto. Thomas descobre que suas perguntas não serão respondidas facilmente. No dia seguinte, algo muito estranho acontece: uma garota chega à Clareira, desmaiada e com uma mensagem na mão que mudará completamente o rumo das coisas. 
A história é intrigante do início ao fim, pois a todo instante você se pergunta, assim como Thomas, o que é tudo aquilo e fica procurando um sentido em tudo o que acontece. Nos momentos iniciais , eu cheguei a ficar bem irritada, porque eu não conseguia entender o que estava acontecendo e acho que me senti na pele do Thomas, sem resposta alguma. Mas o pior eu não sabia que ainda estava por vir. 
Eu já li muitos livros nessa minha vida e confesso que, até então, eu nunca tinha sentido uma mistura tão grande de sentimentos e, cara, teve partes que eu precisei ficar em pé e pulando igual louca falando CARACA, CARACA, CARACA!! Não sei se aconteceu algo assim com outras pessoas, mas comigo aconteceu e, a cada página, a ansiedade aumentava, porque você não sabe o que diabos são aqueles Verdugos, o que significa C.R.U.E.L. e até onde eles conseguirão ir dentro do labirinto. Aliás, o que é aquele labirinto??
Quando a história vai chegando ao fim, é muita tensão, porque termina de uma forma que você sabe que vai morrer se não começar logo o segundo livro. Nos segundos finais você percebe que não tem nada resolvido e que a história está apenas começando. Enfim, é uma história bem diferente e sem dúvida vai prender sua atenção.
Com relação ao filme, algumas coisas são bem diferentes, mas o filme é muito bom também. A ideia do livro permanece, mas muitos detalhes foram alterados, como o buraco dos Verdugos, por exemplo, que não vou falar como é a diferença para que você veja com seus próprios olhos. Achei que o Dylan O'Brien representou muito bem o Thomas e achei o restantes das atuações muito boas. E achei o Chuck fofinho!
Então é isso. Assistam o filme e leiam o livro, na ordem de preferência, pois são maravilhosos e aguardem, pois em breve falarei sobre Prova de Fogo, o segundo livro da saga.

terça-feira, janeiro 13, 2015

Audiolivros + onde ouvir/baixar

Recentemente, peguei o hábito muito legal de ouvir audiolivros. O nome é autoexplicativo, mas para quem não sabe, audiolivros são livros em formato mp3 que geralmente são gravados em estúdio e seguem o livro físico. Também são conhecidos como livro falado e audiobooks. Faz alguns meses que eu estou com tempo sobrando para diversas atividades, mas nem sempre foi assim e não será assim por muito tempo; de qualquer forma, existem alguns horários do dia em que eu gostaria de estar lendo, mas preciso, por exemplo, lavar louças, limpar a casa, arrumar meu quarto e é exatamente aí que entram os audiobooks. 

Pesquisei alguns aplicativos que estão me auxiliando bastante na busca por novas histórias e também sites na internet que disponibilizam de forma gratuita ou paga. Dos aplicativos que encontrei, estou usando dois, entretanto, como meu celular é um iPhone, não tenho como indicar aplicativos para Android, já que não testei nenhum.

1 - LibriVox Audio Books: Ele oferece diversos títulos, em sua maioria, clássicos da Literatura Brasileira, mas o acervo é ainda pequeno em comparação a outros.
2 - Audiobooks: Esse tem bem mais obras, mas em inglês. O legal desse app é que além do áudio, você ainda tem a transcrição, o que é ótimo para quem quer treinar o listening.
Tem ainda o Audiolivros da Audible, que tem vários livros atuais em inglês, mas esse eu não testei direito e o Audiolivros HQ Grátis, que apesar do nome, não tem HQ, pelo menos não na versão gratuita, mas ainda assim oferece diversos títulos em vários idiomas.

É importante lembrar que não abandonei os livros de papel, trata-se de uma nova forma de aproveitar mais o meu tempo com algo realmente útil. Claro que em algumas situações o livro falado substitui o papel, que é o caso de pessoas com deficiência visual, mas também é muito bom para quem não gosta muito de ler e ainda assim gosta de ouvir histórias.

Acredito que é uma forma de levar a leitura para vários públicos, sendo que também é extremamente útil para aprendizagem de novas línguas, como o inglês. Caso você não queira ou não tenha como ouvir pelos aplicativos no celular, tem ainda a possibilidade de baixar na internet e ouvir pelo computador ou qualquer dispositivo que leia o formato mp3, que nem preciso citar, pois hoje em dia existem vários.

Espero que gostem e, mais ainda, espero que aproveitem, pois é sempre bom ouvir uma história nova e conhecer clássicos da Literatura mundial!  

quinta-feira, novembro 27, 2014

Sobre e-books

Desde que comecei a perceber a quantidade de livros - novos e antigos - que estão sendo publicados em versão digital, eu coloquei na minha cabeça que seria impossível me acostumar com isso e que era absurdo as pessoas trocarem o papel por uma coisa que você sequer pode sentir o cheirinho de novo. Sempre fui muito radical em relação a muitas coisas e na época em que eu estava na faculdade principalmente. Não sei bem explicar por qual motivo, acho que era aquele velho medo das mudanças.
Acontece que de uns tempos para cá eu decidi mudar muitas coisas em mim e por mais que pareça uma bobagem, para mim é algo muito importante, porque a leitura, os livros, sempre serão fundamentais na minha vida, então por que não dar uma chance à tecnologia? Talvez, você que está lendo isso agora, não considere algo tão importante, mas aqueles que têm resistência em abrir mão e aderir ao novo, vão entender o que eu digo. 
Acho que, no fundo, eu nunca tinha conseguido decidir se amava ou odiava a tecnologia, mas sabe, não vivo sem ela. Adoro acompanhar seu avanço, ainda mais quando está a nosso favor e é por isso que agora eu tenho lido bastante no iPad. Acho que o que me impulsionou foi o fato de não ter mais espaço para nada no meu quarto e eu tenho uma lista imensa de livros que quero ler ainda esse ano. Deixo essa dica para você, não só sobre ler ebooks, mas aceitar mudanças que tornem uma pessoa melhor, mesmo que sejam coisas simples e bobas aos olhos alheios.

Milca Abreu - Blog Sabe o inverno. Design by Berenica Designs.