terça-feira, janeiro 12, 2021

Rio de Janeiro: 4 dias na Cidade Maravilhosa


Não sei se posso dizer quatro dias ou doze dias. Estive no Rio de Janeiro, em 2020, duas vezes. Em uma delas, apesar de ter ficado por mais tempo, não aproveitei tanto quanto imaginei que aproveitaria e ainda sofri um assalto. Na segunda vez, sim, aproveitei cada minuto e passei a gostar de lá. Fiquei quatro dias. 


Vou contar para vocês a experiência dos quatro dias, pois foi uma viagem em que eu mesma paguei pela passagem, hospedagem e fiz mais passeios.



Assim como na viagem a Ouro Preto, o Rodrigo foi de moto e eu de avião; nos encontramos lá no Rio. Viajamos durante a pandemia e depois quero fazer um post contando sobre como foi. Antes que me julguem, eu viajei não por quê "a quarentena estava me deprimindo". Foi porque nós havíamos comprado tudo e não tinha como agendar para outra data. Além disso, as empresas seguem os protocolos de segurança. Menos a companhia aérea, já que o voo estava lotado. Depois conto mais.


Em outubro, não imaginávamos que as coisas ainda estariam tensas. Agora, eu não imagino mais o Brasil sem pandemia, já que vivemos um desgoverno. Mas ainda assim fomos lá.


O Rio de Janeiro é um estado caro, afinal, é a porta de entrada de grande parte dos gringos. Eu realmente acho que as coisas por lá são caras, mas ainda assim, andando mais um pouquinho você encontra algumas coisas mais baratas. 



Quando estive por lá em janeiro de 2020, antes da pandemia no Brasil, eu fui com uma amiga, ficamos por sete dias e eu basicamente paguei pela alimentação, já que ela tinha algumas milhas e diárias que precisavam ser utilizadas, senão seria perdido. Eu nunca quis conhecer o Rio de Janeiro. Sempre tive uma visão preconceituosa até, de que o lugar era perigoso e se eu fosse não voltaria mais.


Sim, sofri um assalto e também pretendo contar depois como foi isso. Foi algo que me fez nunca mais querer voltar lá. Mas sabe que eu não me conformei em ter essa visão? Resolvi que iria dar uma segunda chance e sem dúvida foi a melhor decisão. Tanto que não vejo a hora de voltar uma terceira vez. 


Conheci lugares lindos, como o Real Gabinete Português de Leitura, que, como vocês sabem, é um paraíso para quem ama livros e leitura. Além disso, o Rio tem toda uma história, é um lugar com uma arquitetura incrível e eu me senti muito dentro dos livros de Machado de Assis, dentro de algumas novelas que já vi há muito tempo. Foram duas experiências, sem dúvida, marcantes na minha vida.



Eu comecei a viajar muito recentemente, então, para mim, tudo é novidade. E, olha, uma novidade sem tamanho. Apesar de ainda ter sentido algum medo dentro de mim, eu amei todos os dias em que estive no "errejota". Sem contar que ainda demos um pulo em Arraial do Cabo. De moto. Foi uma super aventura para mim, já que foi a maior distância que já andei de moto. 


Fique de olho na tag Viagem aqui do blog, pois vou contar para vocês como é o passeio no Cristo Redentor, no Pão de Açúcar, museus que visitei, como foi a viagem até Arraial e mais outras coisas legais das duas viagens. 


Gostaram das fotos? Eu fico revendo todas para não esquecer. Espero que tenham curtido a postagem


Até mais.

Um comentário

  1. do Rio eu só conheço a região dos lagos.. a cidade parece ser, literalmente, maravilhosa...

    abraços
    Mulher Conectada

    ResponderExcluir

Os comentários agora são moderados para eu conseguir controlar melhor.

Milca Abreu - Blog Sabe o inverno. Design by Berenica Designs.