FEMINISMO NO COTIDIANO - MARLI GONÇALVES

Sinopse: Aqui o feminismo não é apenas mais uma teoria defendida na universidade, nem uma trincheira de políticos em busca de votos. Marli Gonçalves, combatente de primeira hora, sai uma vez mais em campo para ajudar mulheres e homens a praticar o feminismo, a lutar por uma sociedade mais justa. Marli foge dos teóricos da moda, assim como do(a)s político(a)s oportunistas. O feminismo que prega é o vivido, não apenas o pensado. Este livro é o presente ideal para mulheres e homens que queiram – ou precisem – aprender o que é mesmo esse tal de feminismo.
“O feminismo é um ideal e um movimento real, uma forma de pensamento e busca de ação abrangente para promover cada vez mais a igualdade de oportunidades entre mulheres e homens.”
“Para começar, homens e mulheres podem e deveriam se declarar feministas. A sociedade justa precisa ser construída por todos. Feminista é adjetivo bom para se definir, para chamar alguém, seja mulher ou homem.”
★★★★★/5

Como é bom ler sobre movimentos sociais e entender como eles funcionam. Depois de ler Feminismo no Cotidiano eu só consigo imaginar um exemplar dele sendo entregue em cada mão de pessoas que não sabem o que falam.

Já tive lá meus preconceitos com o movimento, mas a partir do momento em que você compreende que alguns absurdos são a exceção e não a regra você passa a admirar e querer cada dia mais que as mulheres conquistem seu lugar.

Feminismo no Cotidiano é basicamente um compilado de muitas informações que nós já vimos em algum lugar. Para quem estuda o feminismo, pode parecer que não trás muita coisa nova, mas vamos pensar naquela mulher que não  tem acesso a informação ou naquele homem que insiste em ser um idiota no cotidiano.

Precisamos sempre pensar além de nós mesmo, isso se chama empatia. Por isso, sempre que pensar em luta de classes, pense em você, mas pense também no outro, essa é a ideia de todas as lutas: interesse coletivo.

Já indiquei esse livro para várias pessoas e já tenho uma listinha de nomes para quem vou emprestar. Meu desejo mesmo era poder comprar e presentear muita gente com um exemplar, porque, sinceramente, são informações tão importantes e do nosso dia a dia que me impressiona o fato de ainda existirem tantas pessoas com pensamento retrógrado.

Aproveitando o assunto do livro, gostaria de citar a situação aqui do Distrito Federal em relação à violência contra a mulher. Esses dias eu estava assistindo a um jornal local e fiquei impressionada com os números. Não sei se é porque agora estão dando mais lugar para que a informação seja passada ou se realmente aumentou o número de feminicídio.

O caso do maníaco de Brasília chocou nosso país. Quantas vidas perdidas e quanta gente culpando as vítimas. É muito triste. Em uma reportagem do jornal Metrópolis, podemos ver 13 crimes registrados até maio desse ano. Sem contar os que não são registrados ou que, graças a Deus, a vítima conseguiu sair viva.

Nossa realidade está cada dia pior, mas eu torço para que as pessoas evoluam, sei que isso é possível.

Título: Feminismo no cotidiano
Autor: Marli Gonçalves
Páginas: 160
Ano: 2019
Editora: Contexto
I.S.B.N: 9788552001508

Compre na Amazon.

12 Comments

  1. Já tinha visto alguns comentários sobre esse livro. O tema me atrai, porém eu ando saturada de leituras assim, então já tinha salvo essa dica para depois.

    Concordo com você quando fala da nossa realidade, e sinto que além de cada dia pior, não esteja vendo aquela famosa luz no fim do túnel sabe?

    Falta tanta coisa nós seres humanos que chega a dar nervoso!

    ResponderExcluir
  2. Milca! Que orgulho! Só por esse seu post já valeu ter escrito e buscado que se entendesse cada palavra dessas que escrevi sobre o feminismo.Era exatamente isso o que eu buscava- falar desse movimento para quem ou não conhece, fala mal sem saber, destrata...Agradeço demais seu carinho e compreensão. Escrevi assim, simples, porque o feminismo em si é simples e precisa é ser mais praticado por homens e mulheres. Um beijo enorme. Conte comigo, Marli Gonçalves

    ResponderExcluir
  3. Tem muita gente que faz e fala um monte de besteira e diz fazer em nome do feminismo, isso mancha a visão de pessoas que não entendem. Gostei de conhecer esse livro, é uma ótima dica!

    ResponderExcluir
  4. Ai, que resenha mais gostosa! Eu já quero esse livro porque sei que vai ser uma leitura que vai me marcar muito. Já vou procurar saber mais, com toda certeza!

    ResponderExcluir
  5. Oie, miga! <3
    Mesmo eu já conhecendo grande parte do Feminismo, sempre gosto de atualizar minhas leituras e continuar descobrindo mais, pois é um assunto que me cativa e me interessa muito. Por isso já anotei a dica!

    www.sonhandoatravesdepalavras.com.br

    ResponderExcluir
  6. Oiiieeee


    Eu fiquei bem ansiosa lendo essa resenha, te confesos que não seria um livro que eu leria às cegas, porque assim como vc tb tinha algumas coisas do movimento que não entendia, certas atitudes absurdas que achava dificil de aceitar. Mas fiquei aliviada em ver vc dizer que é exceção, não regra, isso me fez querer saber do movimento, conhecer mais intimamente através desse livro. Vou ler com certeza assim que surgir a aoportunidade.

    Beijos, Alice

    www.derepentenoultimolivro.com

    ResponderExcluir
  7. Olá, tudo bem?
    Eu para ser sincero só conhecia o livro por meio da editora Contexto, pois acompanho os lançamentos dela, mas nunca tinha lido uma resenha. Esse é um tema que não me atrai pessoalmente, mas vai ser sucesso entre as pessoas que curtem estudar e ler sobre feminismo. Gostei da resenha e dica!
    Abraço!

    ResponderExcluir
  8. Oi, tudo bem? Leio bastante sobre o feminismo e gosto de conhecer novos livros sobre o tema, este eu não conhecia e vou procurar, com certeza! Acho que mesmo que seja algo meio "batido" pra quem já conhece o movimento, é sempre importante a gente lembrar que muita gente, especialmente nas periferias, ainda não tem acesso a um conteúdo básico. Gostei da premissa da obra e vou comprar :) Adorei a dica, muito obrigada!

    Love, Nina.
    www.ninaeuma.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Olá,
    Não conhecia o livor mas sempre bom conhecer livros com o tema de feminismo.
    Sobre ser um compilado de acontecimentos creio que se eu lesse eu seria meio afetada, acho o assunto de abuso e agressão as mulheres tudo tão pesado, mas gostei de conhecer.

    Debyh
    Eu insisto

    ResponderExcluir
  10. Oi, tudo bem?
    Eu ainda não conhecia esse livro, mas já quero sair distribuindo para algumas pessoas hahaha. Acho muito importante não apenas explicar o que é o movimento feminista para esclarecer alguns preconceitos que as pessoas têm, mas também mostrar como praticar o feminismo no dia-a-dia. Acredito que seja uma leitura muito interessante e necessária. Quem sabe se mais pessoas lerem e se informarem, conseguimos caminhar para uma sociedade mais justa? Já anotei a dica aqui e com certeza vou querer ler.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  11. Olá

    Eu participo ativamente da construção de uma sociedade igualitária e com equidade. Sou feminista, mas tenho ainda meus receios com movimentos sociais, porque em grande parte cada divisão social acaba causando fragmentação do povo como um todo e cada um cuidado apenas de seus interesses, mas concordo que livros como esses deveriam ser acessíveis a todos, assim a ignorância diminuía.

    Beijos

    ResponderExcluir
  12. Olá tudo bem? Que postagem mais sincera e importante, adorei sua indicação de leitura e sua considerações a respeito do assunto, espero ter a oportunidade de aprofunda na leitura, beijos!

    ResponderExcluir

Os comentários agora são moderados para eu conseguir controlar melhor.